PLANTAS E JARDINEIROS, Wagner Martins (Poema)


PLANTAS E JARDINEIROS

Por favor,
Não me fale
Dos tristes fatos
Acontecidos que nos cercam
Do cotidiano!

Por favor,
Não me ofereça mais
as drogas abstratas, ou visíveis,
que nos fazem inconscientes viciados,
dementes a se autodestruindo,
e sendo delas os empolgantes divulgadores:
daquilo que corrói a alma,
daquilo que sufoca o coração,
daquilo que faz das cabeças
em lixos de tudo aquilo que não nos eleva!

por favor...
me entenda,
sou uma árvore:

preciso ser iluminado,
aquecido,
por seu espontâneo sorriso,
por seu caloroso abraço!

preciso ter raízes, ser plantado
na terra fértil de seus bons pensamentos,
na terra acolhedora de sua atenção!

preciso ser regado, adubado, apoiado,
ás vezes aparado...
preciso de relacionamentos
de plantas com jardineiros
que fazem o seu nobre trabalho
se doando de coração,
com maior amor do mundo!...

- Wagner Martins


22 de janeiro de 2018

JESUS CRISTO VIVE EM MIM! Wagner Martins (Poesia)


JESUS CRISTO VIVE EM MIM!

Para muitos Jesus Cristo
Ainda está no crucifixo, na cruz,
Fracassado, sofrendo sem fim,
E não triunfou sobre a morte!...

Também para muitos Sião,
O paraíso prometido
Está lá em cima, nas alturas,
E aguardam isso sem se deixar iluminar!...

Para mim creio que Jesus Cristo
Já sofreu as nossas dores,
Tomou para si as nossas fraquezas, e pecados,
E a nossa certeza da eterna morte,
Para nos oferecer uma vida iluminada:
A ressureição Dele dentro de nós,
a nos oferecer o seu reino no nosso coração.
contudo, para isso acontecer
É preciso com firmeza o meu EU sair do trono
Do meu ser, do meu querer!...

Para mim creio que o paraíso, ou o inferno
Pode estar em cada um de nós:
Isso depende bastante
em que direção o nosso coração esteja inclinado,
sobre o que a boca anuncia,
Se deixamos o querer de Deus, ou do inimigo de nossa alma
Prevalecer, florescer, habitar no nosso templo interior!...

- Wagner Martins


19 de janeiro de 2018

O NASCER DUMA NOITE SEM ESTRELAS, Wagner Martins (Poema)


O NASCER DUMA NOITE SEM ESTRELAS

Triste tarde,
Triste tarde
Se vai:
Nublada,
Cinzenta...
Mergulhando
Tudo no seu clima!...

Triste tarde,
Triste tarde...
Quando digo
Triste,
Não refiro
A que o coração
Fere;
Mas a tristeza, a melancolia
Confortante da solidão,
Do envolvente frio
Que nesse imenso lugar
me abriga!...

Triste tarde,
Triste tarde...
E eu aqui
Em silêncio,
Maravilhado:
Contemplando a abertura
Do espetáculo
Que o universo faz
Com a tarde para noite!

- Wagner Martins

18 de janeiro de 2018

DEUS, SEJA MEU JARDINEIRO! Wagner Martins (Poesia)


DEUS, SEJA MEU JARDINEIRO!

Tanto nos enganamos
Em só vivermos no mundo exterior:
De tantos temores, percas, injustiças...
De tantas preocupações, desilusões...
E viramos desse mundo visível dependentes!...

Esforçamos para nós mesmo crermos
Que temos o controle de nossa vida,
E para isso sofremos dando passos tão largos...
Até que não seguimos o ritmo da correria!

Enquanto isso, tem um jardim
Aqui dentro: o mundo no nosso interior,
Que suas árvores, suas flores,
Por falta de cuidados estão morrendo:

Dele já não sentirmos brotar o amor,
a compaixão, o perdão, a compreensão,
a paciência, e o prazer de viver...

Não sentirmos a alegria de sermos amados,
a graça de ajudarmos os que precisem...

já não desabrocha a alegre flor da esperança...
até atingimos metas, e mais metas,
mas não sentirmos satisfação,

pois o solo desse jardim estar infértil, seco...
precisamos sermos regados, saciados
pela água viva vinda de Cristo, a fonte da vida!

precisamos sermos irrigados
por mais confiança, perdão, fé,
aproximação, e amizade com Deus,

para nossa terra,
a nossa alma seja redimida,
sarada, curada, e fértil,
assim termos a delicadeza
de cultivar o nosso jardim
e verdadeiramente vê-lo brotar, renascer,
ter vida!...

- Wagner Martins


18 de janeiro de 2018

AMADO, AMANDO! Wagner Martins (Poesia)


AMADO, AMANDO!

Vezes, ou outras
Me sinto tão amado,
Chegando de emoção
O peito a explodir, a transbordar
amando:

Numa alegria tal:
daria a você até as estrelas do céu,
Em troca duma tentativa de sorriso...
Se assim pudesse!

Vou a escrever o que sinto:
flores em versos,
o calor do meu coração
para o seu coração,
com palavras d’alma,
E se acaso me expressar amargurado;
Alegrem-se, pois o amor não é só doce,
é verdadeiro!

- Wagner Martins


14 de janeiro de 2018

O DESEJO DE CRISTO, Wagner Martins (Poema)


O DESEJO DE CRISTO

Creio que Jesus Cristo
Não quer fazer em ninguém
Uma celestial lavagem cerebral.

Não quer o posto de ditador,
com fanáticos-religiosos
seguindo os que botam o nome de Deus
em seus maus propósitos.

Creio que Jesus Cristo
não fornece aos negociantes da fé,
aqueles que recebem por algo que é de graça,
de tantos que fecharam os corações para SUA GRAÇA!...

Creio que Jesus Cristo
Não acha espaço para transmitir
SEU DESEJO para conosco
naqueles que falam até em Seu Nome,
Mas tem o inferno no coração,
Ferindo os que lhe ouvem!
- Fale do mais lindo gesto de amor divino,
Só plante a semente da mensagem da cruz,
E deixe que o tempo, e o Pai regue!

creio que Jesus Cristo
Não quer destruir, acabar, matar, tirar nada...
Sinto que Ele só quer que se permitirmos
Que O conhecemos mais, para Dele sejamos mais amigos.
Que em tudo que amemos, ou que fizemos,
Que nosso amor por Ele seja mais importante do que tudo isso.
Que ponhamos o Pai Divino não do lado, nem do outro,
Não em baixo, e também não só lá em cima nas alturas,
SEU MAIOR DESEJO é que O tornemos
Como o centro de nossa vida!...

- Wagner Martins


15 de janeiro de 2018

MAIS UM DIA, Wagner Martins (Poesia)


MAIS UM DIA

Mais um dia para viver:
Logo ligo a TV,
Aí começa em suas bordas
A jorrar sangue,
Os justiceiros da hipocrisia,
os vampiros loucamente
sempre a apresentar
Mais, e mais mortes...
Deus me livre, e guarde,
Até parece que se alimentam
Da tragédia popular!

Assustado, logo ponho os canais a mudar:
assim descubro a fonte das fossas
De tantas idiotices, e estupidez sociais,
Desligo, fecho as cortinas
da peça teatral a qual faz Satã cair na gargalhada!

assim, ligo o rádio
que de tantos corações
 já foi doce companheiro,
e dele soar vozes, frases:

“TRAIU MESMO PORQUE SOU O CARA”

“TIRE OS SUTIÃS, AS CALCINHAS,
E REBOLE O BUMBUM”

“BEBO MESMO, TENHO DINHEIRO, E BEBO MESMO”

Desligo também essa poluição sonora, atordoado!...

Com todo esse bombardeio, abro os livros:
E eles me mostram o horizonte,
Já me sinto flutuar...
as poesias me dão asas para voar!...

- Wagner Martins


14 de janeiro de 2018

VIRAMOS HOMENS PARA ISSO?! Wagner Martins (Poesia)


VIRAMOS HOMENS PARA ISSO?!

Ah, mulheres, mulheres...
Hum, muitas mulheres de hoje
São o egoísmo em carne, e osso:

As tratamos com flores,
E elas nem nos trata...
São cactos cheios de espinhos
a nos ferir!

percebam o desprezo,
a insatisfação eterna no olhar,
para elas somos cachorros
que só servi para fazer festa,
lamber suas pernas quando essas chega.

nos botam na coleira,
castra logo a nossa vontade-própria,
temos que sempre ouvir
os seus blas blas, blas sem fim...
quando tem a chance de retribuir,
a ingratidão é a sua moeda!

tem muitos cachorros... digo homens:
tem muitos homens
que ás vezes ficam com raiva,
digo, se revoltam com a vida,
aí, para não serem mordida,
elas soltam seus cachorros da coleira,
digo, elas fingem que em nós presta atenção devida,
quando terminamos de nos expressar,
algumas alisam as nossas barrigas,
e logo ficamos mansos, a balançar a caldar!

e tem outras que nem isso faz:
simplesmente ignora o teatrinho,
e se fecham,
sabem muito bem que esses tipos de homens,
arrependidos, voltam para elas
com o rabo entre as pernas!

- Wagner Martins


13 de janeiro de 2018