A VOZ DO AMOR, Wagner Martins (Poema)

Resultado de imagem para andando com jesus

A VOZ DO AMOR

O amor
Não censura;
O amor
Aconselha!

O amor
É como as delicadas pétalas
Da flor:
Se for machucada,
Se afasta,
Se esconde,
Não para sempre,
Pois mesmo na tristeza,
Ele nos alegra...
É feito o sol
Que rasga no horizonte nublado
A brilhar,
Se renova,
Se fortalece,
E renasce,
sendo um amor,
Com muito mais amor
Intensamente brilhando,
Intensamente a exalar!

O amor
Se doa;
Não se cobra.
O gozo de amar
É se sentir em um só,
Amar o outro,
É se sentir amado!

O amor,
talvez seja algo bobo
aos interesseiros,
talvez seja objeto
aos mentirosos
para iludir a muitos...
mas quem cultiva esse sentimento
dentro de si,
se senti completo, irradiado,
pode até notar que não há lugar
para mais nada,
pois o amor completa,
alimenta a alma!

Deus com o dom do amor
Nos presenteou,
Nos amando,
Contudo, para desfrutarmos
Desse primoroso sentimento
É preciso andar nas regras,
é em muitas as ocasiões,
triunfemos no ato de amar
sob todas as barreiras!

- Wagner Martins


terça-feira, 24 de julho de 2017

EGOÍSMO, OU AUTOSSUFICIÊNCIA? Wagner Martins (Poesia)

Resultado de imagem para feliz sozinho

EGOÍSMO, OU AUTOSSUFICIÊNCIA?

Ultimamente eu sinto falta
Sinceramente é de nada!

Me entrego no agora,
Compartilho as coisas boas da vida
Com as presentes companhias!

Não vou mais perguntar
Como a certa pessoa está,
Simulando alguma importância.

Desde já, fico feliz por ter memória curta,
Ou de propósito não ser atento...
Passou, foi-se, já virou
Mais uma esquecida história!

Não sou ingrato,
Sei aos que prezo;
Porém não irei viver revivendo
Nos contos de fadas, de era uma vez,
ou no passado,
Não mergulharei em lembranças
Só para fazer novas lembranças!

Logo, logo,
sinto que não mais saberei
O que é senti saudade!...

- Wagner Martins


segunda-feira, 23 de julho de 2017

NADA DITO, Wagner Martins (Poema)

Resultado de imagem para língua solta

NADA DITO

O quanto as palavras nos traem!
as palavras nas horas exatas,
geralmente conosco faltam.
Essas misturadas com as emoções,
muitas vezes ditas sem meditações,
apenas em segundos de exaltações,
e podem causarem efeitos contraditórios,
errantes na nossa vida, fazer esquecidas
as nossas ações!

O quanto as palavras nos traem!
quanto mais falamos,
mais elas vão revelando
que muitas bocas são abertas,
e fechadas várias vezes,
somente para fazerem barulheira...
pois, a verdade é que
muitas línguas são domadas
pelas pobres, e repentinas palavras,
e assim nos leva a provar
que não sabemos de muita coisa!...

O quanto as palavras nos traem,
nos zomba, nos difama, nos desfavorece!...
porque as palavras nos inveja,
por podermos expressar sentimentos fortes
sem precisar delas, assim como:
são desnecessárias para  pedirmos beijos,
são desnecessárias em vimos sinalizar
que queremos um abraço,
são desnecessárias para sentirmos amados!

- Wagner Martins


Domingo, 22 de julho de 2017

O MACACO, E O HUMANO, Wagner Martins (Poema)

Imagem relacionada

O MACACO, E O HUMANO

O homo sapiens com seus avanços,
Ainda não ultrapassou o macaco:
Muitos podem descobrir até as curas,
Marcar triunfalmente a sua existência,
Mas vivem como cães nos cios,
O tempo todo só querem cruzar,
E assim se traem, traem, e vem
Machucando as que lhes amam!...

O homo sapiens com seus avanços,
Ainda não ultrapassou o macaco:
Muitos impedem a justiça, a paz,
Pois a corrupção, e a guerra os seduz,
As tréguas dos conflitos,
Não geram fortunas, não geram poder!

O homo sapiens com seus avanços,
Ainda não ultrapassou o macaco:
Contudo, há ainda humanos
Que em alguns momentos,
São sensíveis, se passam por poetas,
Capazes de abrir as janelas da alma,
E fazem os outros se encantar
Com o que há aqui dentro,
O que há de mais puro,
Com os fascinantes sentimentos!...

- Wagner Martins


sexta-feira, 20 de julho de 2017

TOTALMENTE INDIFERENTE/SE AMANDO, Wagner Martins (Poesia)

Resultado de imagem para de pernas pro ar

TOTALMENTE INDIFERENTE/SE AMANDO

O que tem na minha cabeça?
Para não emprestá-la para o diabo:

Há trechos de músicas,
Há contos achados em livros,
Há motivos para sorrindo me achar.

O resto...
Ah, deixei para lá;
Prefiro ser leve, estar voando
Sob a cruel realidade que nos enterra
na amargura, na angústia, e na cobrança!

- Wagner Martins


quinta-feira, 19 de julho de 2017

POETA PASSA POESIAS, Wagner Martins (Poesia)

Resultado de imagem para poesia

POETA PASSA POESIAS

Pouco possui o poeta
Para presentear...

Pois as palavras pregadas
Nas poesias,
Parecem em paraquedas!

Poemas pegos em pescas!

Para persevera, propagar
Poderosas palavras,
Pega papeis pisoteados
por pessoas
o poeta prime o que os peitos
permanecem proibidos para passar!

- Wagner Martins


quarta-feira, 18 de julho de 2017

O HOMEM MODELADO PELO TEMPO, Wagner Martins ( Poema)



O HOMEM MODELADO PELO TEMPO

Me sinto internamente envelhecido:
Como se vivesse por muito tempo,
E nesse período, toda luta, todo esforço
Que fiz para realizar os sonhos,
Conquistar o que desejei virasse fardo!

Me sinto internamente envelhecido:
Não acho mais a graça onde muitos
vem dela se deleitando, ou se dragando.

Não me envolve mais as danças,
As quais muitos se põem a cansar.

Não me alegra as lindas palavras ditas,
As nobres intenções de muitas pessoas,
pois o tempo as revelou que deram em nada.

Contudo, admiro vendo os outros
iludidos, perdidos nesse labirinto
de sensações enganosas,
de falsas expectativas!

Me sinto internamente envelhecido:
Já abrir mão de conquistar
Aquilo que não quer ser meu.

Já abrir mão de chegar
Onde só em minhas fantasias
se encontra.

Já abrir mão dos remos da vida:
Decidir em meu barquinho relaxar,
Ser levado pelo tempo em seu mar.

- Wagner Martins


terça-feira, 17 de julho de 2017

OCEANO DE MIM MESMO, Wagner Martins (Poesia)

Resultado de imagem para navegando no barquinho

OCEANO DE MIM MESMO

A solidão é como a flor com espinhos
Para quem não tem outra opção,
Além de ficar sozinho!

No começo é um constante incômodo;
Aí o tempo vem nos consolando
Com sua cantiga do silêncio!

Ao passar um certo tempo:
vim esperar outra opção,
É tolice que fazem os esperançosos,
mas viver satisfeito com EU MESMO,
É um feito sensato.

Para muitos a solidão é inaceitável,
é injusto consigo mesmo...
Mas é tudo mentira, é uma peça teatral,
Que me empolgar com ela já não consigo!

Eu creio que o ser humano é solitário;
Entretanto, ele corre do seu estado natural,
Afim de acha graça, refúgio em algo banal.

Contudo, em alto mar vamos nós:
Eu, a flor e os seus espinhos,
E o silêncio e seu sereno cântico,
Subindo, e descendo nas ondas
Do imenso oceano de MIM MESMO!

Toda minha preocupação:
É desfaçar que sinto incômodo tremendo
Ao estar na multidão, é claro,
respirar a vida,
E encher de satisfação os meus pulmões!

- Wagner Martins


segunda-feira, 16 de julho de 2017